quinta-feira, 9 de novembro de 2017

3. Sozinha Numa Viagem de 12h | A Sofia Ferreira



 Passar 12h sozinha dentro de um comboio e sem companhia pode ser a coisa mais entediante de sempre. Eu escrevi "pode", e não que era.
 Desde que me lembro que sempre soube lidar, e acima de tudo apreciar a minha própria companhia, por isso imaginei uma aventura. Tinha 12h à minha frente, rodeada de pessoas que nem fazia a mínima ideia de quem eram e honestamente com um bocadinho de receio.
 Como temos lugares marcados é obrigatório sentar-mo-nos no lugar que calhar, no meu caso sentei-me à beira de um rapaz que entrou primeiro do que eu. O rapaz, que pouco mais velho do que eu era, deve de ter visto a minha cara a gritar: "desespero!" quando me apercebi de que tinha de pegar na minha mala e guardá-la num sítio onde eu nem chegava de bicos de pés. Ele levantou-se, pegou nela e colocou-a no sítio. Eu sorri agradecida e ele sorriu de volta. Não era inglês e muito menos sabia falar português, mas tinha sido gentil o suficiente para o adicionar na minha lista de:  
"Pessoas que nunca mais vou ver, mas tenho a certeza que são boas pessoas!"

  Gosto de me considerar uma boa pessoa também. Acordo todos os dias de manhã e sou, até ao momento em que volto a dormir, a melhor versão da Sofia, e conhecendo-me sei que no dia seguinte vou fazer tudo o que tiver ao meu alcance para ser ainda melhor do que a Sofia do dia anterior.

 O rapaz acabou por sair numa estação às 5:30h da manhã, e aí sim, pude desfrutar do meu cantinho ao lado da janela e dormir um pouco porque eu estava exausta.
 Uma das coisas que mais gosto de fazer é ver o sol a nascer, mais um dia, mais uma oportunidade. É como recarregar energia para os próximos tempos. Depois de aproveitar este momento tudo o que eu queria era desfrutar também de outras coisas boas da vida: um livro da minha escritora favorita, as músicas nostálgicas e umas boas bolachas a acompanhar, claro. Eu já tinha passado a noite a comer, mas porque não mais um pacotinho de Belgas?

 Tirei um tempo para pensar, quando tenho tempo para mim sem ter de estar sempre a olhar para o relógio gosto de pensar. Apesar de tentar passar para vocês o lado mais positivo da minha vida a verdade é que ninguém tem a vida perfeita. Cabe-nos a nós escolher o que queremos partilhar. Não quer dizer que eu esteja a fingir algo que não sou ou a vida que não tenho, quer dizer que eu opto partilhar as coisas boas da vida. Transbordar energia, amor e positividade, porque é essa a pessoa que eu faço para ser todos os dias. Às vezes ansiamos tanto pelo destino que nem aproveitamos a paisagem de toda a nossa jornada. Por vezes dou por mim a pensar tanto no destino desta viagem (e não estou a falar da viagem em si), que não me lembro de aproveitar o nascer e o pôr do sol, um beijo de boa noite, um almoço em família. Sabem, acho que focar-me no presente tem sido a minha batalha dos últimos tempos. É que às vezes fico exausta, e digo vezes sem conta que tudo o que queria era avançar no tempo.
 Mas hoje eu não quero isso. Hoje eu quero sentir cada toque, quero ver todas as paisagens que puder, quero um abraço quente. Eu gosto de abraços. Quero correr atrás dos meus sonhos que toda a gente considera estranhos. Eu não quero ser um dia a pessoa que não fez tudo o que queria. Quero aproveitar cada aventura, cada salto de para-quedas, cada viagem e cada livro da minha escritora favorita.

As coisas simples da vida vão sempre fazer-me feliz!
E as restantes? As restantes nós corremos atrás. ❤

"A Sofia Ferreira" é uma categoria no blog onde partilho convosco todo o que se passa dentro da minha cabeça, onde eu partilho quem é a Sofia como pessoa, no seu dia-a-dia. Esta aventura está apenas a começar, conto convosco desse lado!

domingo, 15 de outubro de 2017

SUMMER PRODUCT IN AUTUMN

Voltei para Portugal! Quando cá cheguei tinha algumas coisas à minha espera, uma delas este produto da Embelleze que admito já ter ouvido falar e estar muito curiosa.


 Minha Praia é um protetor desembaraçante de água de coco e chá verde, que tem como função nutrir o nosso cabelo e deixá-lo mais macio e hidratado. É um produto desenvolvido para ser utilizado durante o verão, pois protege o nosso cabelo do sol e da água do mar e piscina.
 Apesar de o verão já ter acabado, esta semana andei a experimentar o produto todos os dias e das duas formas: com o cabelo seco e húmido.
 Vocês sabem que o meu cabelo é ondulado/encaracolado, então ele é muito difícil de pentear e apenas o penteio depois de o lavar, porque se o fizer com ele seco fico com uma juba, ahah. No entanto no dia em que não penteio o cabelo, utilizo sempre algum produto deste género para manter o cabelo bonito.

 Este produto deixa mesmo o cabelo macio! Como tenho o cabelo seco aplico-o em grande parte do cabelo. Acredito que mesmo que tenhas o cabelo oleoso ele não vai afetar-te nesse sentido.
 Quando vi que o produto era em spray pensei que se tratasse de um óleo, mas afinal ele tem mesmo textura de creme!
 Para além disso recebi também outro produto, mas não o experimentei pois é para cabelo oleoso, e esse não é o meu tipo de cabelo.

Adorei esta novidade da Embelleze, sem dúvida que o vou utilizar non stop!
Espero que tenham gostado da minha review deste produto.
 Digam-me nos comentários qual o vosso produto favorito da Embelleze e partilhem comigo quais as próximas reviews que gostariam de ver. 

quarta-feira, 20 de setembro de 2017

HAPPINESS | OUTFIT

 As férias estão a acabar, e ainda esta semana volto para Portugal.
 Fotografei para vocês um dos meus outfits favoritos que utilizei por França, e um dos mais importantes também! A primeira vez que o utilizei foi quando comprei a Canon EOS M10, então cada vez que visto este conjunto novamente fico super feliz porque me lembro daquela sensação de conseguir algo que queria à tanto tempo! É engraçado como associamos roupa a momentos, e esta pode-nos transmitir tanta coisa.

O look que vim partilhar hoje convosco é sem dúvida o meu happiness outfit!
Todas as peças utilizadas devem ainda estar disponíveis nas lojas, pois foram compras recentes.


  Cada vez que chega o final de um ano faço uma lista, como muitos de vocês devem fazer, sobre os meus objetivos e sonhos para o ano seguinte. Mesmo sabendo que existem metas distantes, acabamos sempre por as escrever para ver se realmente nos dá força de vontade para correr atrás delas, ou até mesmo à espera de alguma sorte. Este ano tem sido um ano de vitórias para mim, foi o ano em que mais objetivos cumpri, e o ano nem sequer acabou. Juro que só de partilhar isto convosco fico cheia de arrepios e talvez até umas lágrimas de felicidade, mas isso fica o nosso segredo.


  Uma peça que à uns tempos andou imenso na moda foram estas calças listradas. Comprei-as nos saldos por uma ninharia - no final do post partilho convosco os preços e as lojas onde adquiri as peças. Para quem acompanha o meu canal no youtube, sabe que as comprei online pois gravei um open box. Pensei que as riscas fossem pretas, admito, mas ainda bem que não são, porque o facto de serem azuis torna-as diferentes. São tipo jeggings, bem justinhas e de cintura subida, para mim todas as calças têm de ser de cintura subida. Outro diferencial é as manchas que tem, como se em algumas zonas tivessem tingidas com lixívia. Para além disso têm os cortes nos joelhos que hoje em dia existe em quase todas as calças, não é verdade?
  Desde que me conheço como gente, sempre fui bastante positiva. Acredito vivamente que a forma como nós levamos a vida pode influenciar tudo o que está à nossa volta. Acredito também que os nossos pensamentos são mais poderosos do que o que nós pensamos. Este ano comecei a interligar-me mais com isso, e percebi que o segredo de tudo é tão simples e está mesmo à nossa frente, chama-se gratidão. Então sim, eu estou eternamente grata por ter conseguido comprar a câmara que queria à imenso tempo, mas nem tudo são bens materiais. Sinto-me grata por ter a minha família, que é incrível por sinal, e sinto-me grata por ser rodeada de amor.
  Este casaco é sem dúvida a minha peça favorita do ano (obrigada amor)! Num dia destes em que o meu namorado estava de férias comigo em França, vi este casaco e adorei-o! Entretanto como ainda íamos a outras lojas e tinha medo de não o encontrar depois, escondi-o, ahah. Não me julguem, eu sabia que o ia buscar uma hora depois. E não é que fui mesmo? Adorei o casaco por ser todo destroyed e super diferente! No braço direito ele tem o efeito de como se fosse remendado, e no braço esquerdo tem um corte no cotovelo.
 Ser grato. Talvez seja tão simples quanto isso, e nós seres-humanos que somos complicamos tudo. Ser grato é só o início de uma jornada incrível, e foi a partir daí que consegui tantas coisas incríveis este ano. Vamos deixar de reclamar sobre as coisas que não conseguimos fazer e começar a agradecer por tudo o que temos e já conquistamos?

 🍀 Se não dás valor às coisas pequenas, nunca serás grato quando as grandes chegarem 🍃

 O meu conselho é, dá sempre o teu melhor em tudo o que fazes. Foca-te no que tu queres mas não te esqueças do que tens. Às vezes pode até parecer que nada vai dar certo, mas de um momento para o outro, tudo começa a ganhar vida. Faz sempre as coisas por ti, segue sempre os teus sonhos. Se em algum momento toda a gente estiver a andar para a esquerda e tu não sentires que esse é o teu caminho, vai em frente. Vai para a direita. Se for preciso ir para trás então vai. Às vezes é necessário darmos 5 passos para trás, para conseguirmos dar 20 para a frente.
   O acessório que eu agora não largo por nada, são estes brincos! Comprei-os na Kiabi, uma loja francesa que recentemente abriu em Portugal e dizem que será a grande concorrente da Primark..!
Não só os comprei na concorrência de uma das minhas lojas favoritas como os comprei na parte das crianças. Achei-os amorosos, não me julguem, okay?
 As sapatilhas, agora sim, são da nossa adorada Primark! Achei-as super simples e foi mesmo por isso que as comprei, porque complementam bem diversos outfits. By the way, agora fiquei com saudades de ir ao shopping com as amigas! Então fica aqui o aviso para elas: estou a chegar! Poupem para irmos às compras.
 Já o top tenho à imenso tempo, é o meu queridinho off the shoulder, uso-o tão regularmente no verão que até parece que faz parte de mim. 
Top: loja local (8€)     |     Calças: Zara (5,90€)     |     Casaco: Zara (20€)     |     Calçado: Primark (4€)     |     Brincos: Kiabi (2€)

 Acima de tudo, não pensem só no destino. Aproveitem a jornada, afinal de contas ela é vossa. Prometo que no caminho irão encontrar as paisagens mais encantadoras, as pessoas mais sensacionais. Cada passo vai fazer-te crescer e perceber que o certo não sempre é "o certo" para a sociedade, mas o mais importante é que seja certo para ti.

 Gostaram do outfit? Se querem ver mais artigos deste género no blog partilhem comigo nos comentários e eu vou ter todo o gosto em fazê-lo! ❤  

Um beijo enorme ❤
👉 Conteúdo novo no blog quase todos os dias! 👈